As mensagens que tenho recebido são lições de Amor e Humildade recebidas com respeito e fé como é ensinado na Doutrina Espirita. São apelos constantes à nossa consciência para que todos os dias façamos o nosso melhor, certos de que colheremos o que hoje plantarmos...
Cada um de nós é responsável pelo rumo da sua própria vida, no entanto, nunca estamos sozinhos, nossos Guias / Anjos da Guarda são queridos Amigos, Companheiros e Irmãos mais velhos a zelar por nós, sem nunca esquecer que o primeiro passo tem de ser o nosso...

Sou grata a Todos os que tocam a minha Vida, com todos aprendo... sejam eles que Quem forem... estejam eles Onde estiverem...
Consciente da minha pequenez, partilho-as convosco...

Este blog é uma produção independente, começou no final de 2014 e inclui também as mensagens recebidas desde 2007 por psicografia e psicodigitação desde Maio 2016 na AELA / Setúbal / Portugal - www.aela.pt / Facebook: AELA - Associação Espirita Luz e Amor.


Conselho Prático

21 de outubro de 2016

Frei Bernardo: "Como agir?" - 20.10.2016

Psicodigitação recebida na AELA a 20.10.2016 - primeira mensagem da sessão.

Bernardo
Com um abraço fraterno vos saúdo. 

Todos somos como o Semeador da parábola de nosso Mestre Jesus. Todas as nossas acções, são como as sementes que lançamos à Terra.  Umas são cuidadas, pensadas, sentidas na alma e no coração e frutificam.  Outras, são o fruto do nosso orgulho e egoísmo. Em vez de alimentar os pássaros da Seara onde nos movemos e que pululam à nossa volta, acabamos por “envenená-los”… afastá-los cada vez mais do caminho certo, da esperança e da recuperação. 

Resultado de imagem para como agir
Tenhamos irmãos, a consciência de que uma palavra ou um gesto gentil, uma palavra de esperança, podem salvar uma vida. Não conseguimos imaginar o impacto que temos em cada irmão a nosso lado – encarnado ou desencarnado… 

Se na dúvida de como agir, tendemos a parar e a fugir das situações onde poderíamos fazer a diferença, imaginemos ser nós na situação dolorosa que presenciamos, e façamos simplesmente como gostaríamos que nos fizessem a nós. Tudo está em nós! 

Com um abraço fraterno me despeço.