As mensagens que tenho recebido são lições de Amor e Humildade recebidas com respeito e fé como é ensinado na Doutrina Espirita. São apelos constantes à nossa consciência para que todos os dias façamos o nosso melhor, certos de que colheremos o que hoje plantarmos...
Cada um de nós é responsável pelo rumo da sua própria vida, no entanto, nunca estamos sozinhos, nossos Guias / Anjos da Guarda são queridos Amigos, Companheiros e Irmãos mais velhos a zelar por nós, sem nunca esquecer que o primeiro passo tem de ser o nosso...

Sou grata a Todos os que tocam a minha Vida, com todos aprendo... sejam eles que Quem forem... estejam eles Onde estiverem...
Consciente da minha pequenez, partilho-as convosco...

Este blog é uma produção independente, começou no final de 2014 e inclui também as mensagens recebidas desde 2007 por psicografia e psicodigitação desde Maio 2016 na AELA / Setúbal / Portugal - www.aela.pt / Facebook: AELA - Associação Espirita Luz e Amor.


17 de junho de 2018

Frei Bernardo / Evangelho no Lar: "Segunda oportunidade" - 17.06.2017

Psicodigitação recebida depois do evangelho no Lar.


Resultado de imagem para segunda oportunidade


Bernardo,
Com um abraço fraterno vos saúdo!

Perdoar, tolerar, amar... tal como gostaríamos que nos tratassem, tal como gostaríamos que nos dessem uma segunda oportunidade...

Quantas e quantas vezes agimos sem pensar ou sem considerar todos os aspectos de uma situação. Umas vezes apenas agimos por impulso do coração, outras vezes, apenas não ponderamos todos os impactos da nossa acção e com isso ferimos alguém encarnado ou desencarnado.

Não estar presente fisicamente ao nosso lado (apenas a viver noutra dimensão), não nos impede de ferir alguém que já está na Pátria Espiritual. As palavras e as intenções, são energias que nos rodeiam, que circulam no espaço que a todos nos rodeia e nos tocam conforme são emitidas.
Palavras de saudade, de amizade, de amor, são balsamos calmantes para nossas dores.
Palavras de ódio, de incompreensão, de intolerância e mágoa, são agulhas nos marterizam e fazem sangrar... Palavras de esperança, de conforto, de verdadeira caridade e de perdão, aliviam todos os que estão envolvidos num sentimento de dor.

Com o tempo e com o amor, todas as feridas são saradas,
Com o Amor e com o Tempo, todos damos testemunhos da nossa aprendizagem e nos tornamos Mestres uns do outros.

Com um abraço fraterno me despeço.




3 de junho de 2018

Evangelho no Lar / Frei Bernardo: "Saudade e esperança" - 03.06.2018

Psicodgitação recebida depois do Evangelho no Lar.

Resultado de imagem para saudade

Bernardo
Com um abraço fraterno vos saúdo.

Saudade é balsamo para os que já partiram, aqueles que já iniciaram nova etapa nas suas vidas.

A saudade vive nos dois lados da vida, porém trata-se apenas de uma ausência física, longe da vista para a maioria de vós, porque na realidade, continuamos lado a lado, numa existência em outra dimensão apenas...

São nossas lembranças e orações que acalmam e ajudam a restaurar o animo daqueles que já partiram. Da mesma forma, também deste lado recebemos as suas orações e boas vibrações.

Nossos pensamentos de amor, ultrapassam todas as barreiras e chegam com a rapidez de um raio, ao coração dos nossos familiares e amigos.
Nossas orações e clamores chegam aos ouvidos do Pai com a mesma rapidez, com a mesma intensidade com que as proferimos.
Tenhamos fé e confiança no Amor do Pai, ninguém está sozinho no seu caminhar.

Com um abraço fraterno me despeço.


20 de maio de 2018

Evangelho no Lar / Frei Bernardo: "A Dor é irmã do Amor" - 20.05.2018




Psicodigitação depois do Evangelho no Lar na nossa casa

A Dor de Coisas Maravilhosas

Bernardo
Com um abraço fraterno vos saúdo!

A Dor é irmã do Amor, é muitas vezes pelo reconhecimento da dor, do sofrimentos, que chegamos ao reconhecimento do que é o Amor.

O Amor não é apenas acarinhar alguém em situação mais desfavorável, seja ela qual for.
Saber amar é educar, saber formar, limar as arestas mais imperfeitas de cada Ser, e no processo, tomar também conhecimento das nossas próprias faltas.

Quem mais ama, não é "quem dá o peixe, mas sim aquele que ensina a pescar!"
Amar é capacitar, é ensinar, é ser paciente, é saber ouvir, é acalmar, é oferecer um copo de agua, um pedaço de pão, uma palavra de solidariedade e conforto, e muitas vezes apenas de esperança e fé...

Quem não se esforça por amor para entender a Vida, lá chegará pelo caminho da Dor...

Que o Amor do Pai a todos fortaleça e inspire.

Bom um abraço me despeço!


6 de maio de 2018

Evangelho no Lar / Frei Bernardo: "Mãe, nossa gratidão!" - 06.05.2018




Bernardo
Com um abraço fraterno vos saúdo.

Gratidão, amor e perdão! São actos que todos aprendemos com todas as Mães do Mundo.

A missão das mães, dos pais, é educar, chamar a atenção para os bons comportamentos e responsabilidades que todos os filhos devem ter! É o plantar nos nossos corações, as sementes da Prática do Bem desde o berço!  E um dia, em breve, seremos nós mesmos os totais responsáveis pelas nossas Vidas! Faremos as nossas escolhas e decisões com base no aprendizado recebido, na vontade de praticar o Bem e na nossa capacidade de perdoar os outros, fazendo o que gostaríamos que acontecesse connosco.

E assim de Vida em Vida, amadurecemos, crescemos e ficamos em divida de amor, por quem nos limpou as primeiras lágrimas e nos cuidou durante os primeiros passos!

Para sempre, obrigado Mãe!

Com um abraço fraterno me despeço.




29 de abril de 2018

Evangelho no Lar / Frei Bernardo: "Solidão!" - 29.04.2018

Psicodigitação depois da Oração Evangelho no Lar na nossa casa.


Bernardo
Com um abraço fraterno vos saúdo.
Resultado de imagem para solidão
Sempre que pensamos em fazer o Bem, não nos podemos ficar pelos votos, é importante ter a coragem de agir, de dar a cara, de dar a mão... olhar cada Irmão, como se fosse do nosso próprio sangue, como se fosse nosso filho! E quantas vezes se apazigua uma criança com apenas um sorriso, um carinho na face...

Jamais serão os donos de grandes construções físicas, os mais abençoados... tudo é proporcional ao nosso esforço, empenho e devoção.

A maioria das vezes, são os pequenos e continuados gestos de boa vontade, que mais nos valorizam, são aqueles de que muitas vezes quase ninguém se apercebe... a esmola ao pobre, o sorriso ao viajante, a conversa com o velho abandonado, a maça colorida que se oferece á criança triste, o abraço ao pai desempregado, a oração que fazemos a favor das mães que choram de dor...

São tantas as possibilidades de sermos úteis! De ajudar e sermos ajudados! Que se acabe com a dolorosa solidão! Sempre que damos uma mão, muitas outras se levantam na nossa direcção!
Creiam no poder do Amor!

Com um abraço fraterno me despeço.