As mensagens que tenho recebido são lições de Amor e Humildade recebidas com respeito e fé como é ensinado na Doutrina Espirita. São apelos constantes à nossa consciência para que todos os dias façamos o nosso melhor, certos de que colheremos o que hoje plantarmos...
Cada um de nós é responsável pelo rumo da sua própria vida, no entanto, nunca estamos sozinhos, nossos Guias / Anjos da Guarda são queridos Amigos, Companheiros e Irmãos mais velhos a zelar por nós, sem nunca esquecer que o primeiro passo tem de ser o nosso...

Sou grata a Todos os que tocam a minha Vida, com todos aprendo... sejam eles que Quem forem... estejam eles Onde estiverem...
Consciente da minha pequenez, partilho-as convosco...

Este blog é uma produção independente, começou no final de 2014 e inclui também as mensagens recebidas desde 2007 por psicografia e psicodigitação desde Maio 2016 na AELA / Setúbal / Portugal - www.aela.pt / Facebook: AELA - Associação Espirita Luz e Amor.


12 de março de 2017

Evangelho no Lar / Frei Bernardo: "Pão nosso de cada dia!" - 11.03.2017

Imagem relacionada
Psicodigitação recebida depois da Oração Evangelho no Lar na nossa casa a 09.03.2017


Bernardo

Com um abraço fraterno vos saúdo.

A Gratidão que sentimos pela Vida, pela comida na mesa, pela cama limpa, pela água cristalina para beber, pela comida na mesa, pela saúde  - por todas estas Graças, não nos devem estagnar.

Devemos ser reconhecidos por a Vida "ser Generosa" para connosco, e por isso mesmo, devemos procurar o Trabalho Fraterno, a Caridade Fraterna...  repartir o pão que temos.

Neste mundo, não possuímos nada, temos apenas o necessário para o nosso exercício de crescimento. Aprender a repartir, aprender a amar, aprender a ouvir, aprender a perdoar... são tantas as facetas da nossa personalidade que precisamos melhorar...

A riqueza para uns, pode ser uma recompensa merecida, contudo deve ser usada com espirito de partilha para o mérito da conquista não se perca. Para outros, a riqueza, é apenas fonte de perdição, pois que os seus corações ainda são duros e pobres... sobrevem a gula, o egoísmo e a intolerância...

Que ninguém se julgue superior! Que ninguém se julge sozinho!
Que nos seus desesperos da aprendizagem, se dedique ao Trabalho Fraterno, que ocupe os seus pensamentos e acções no auxilio aos que menos têm em termos materiais, física e espiritualmente. - e rapidamente verá o quanto é abençoado.

Deus Pai, Graças vos damos pela Vossa infinita bondade para connosco, tanta vezes ingratos!

Com um abraço fraterno me despeço.