As mensagens que tenho recebido são lições de Amor e Humildade recebidas com respeito e fé como é ensinado na Doutrina Espirita. São apelos constantes à nossa consciência para que todos os dias façamos o nosso melhor, certos de que colheremos o que hoje plantarmos...
Cada um de nós é responsável pelo rumo da sua própria vida, no entanto, nunca estamos sozinhos, nossos Guias / Anjos da Guarda são queridos Amigos, Companheiros e Irmãos mais velhos a zelar por nós, sem nunca esquecer que o primeiro passo tem de ser o nosso...

Sou grata a Todos os que tocam a minha Vida, com todos aprendo... sejam eles que Quem forem... estejam eles Onde estiverem...
Consciente da minha pequenez, partilho-as convosco...

Este blog é uma produção independente, começou no final de 2014 e inclui também as mensagens recebidas desde 2007 por psicografia e psicodigitação desde Maio 2016 na AELA / Setúbal / Portugal - www.aela.pt / Facebook: AELA - Associação Espirita Luz e Amor.


Conselho Prático

9 de janeiro de 2017

Frei Bernardo :"Lei de Causa e efeito" - 05.01.2017 - 1ª mensagem da sessão

Psicodigitação recebida na AELA a 05.01.2016

Resultado de imagem para lei de causa e efeito


Bernardo
Com um abraço fraterno vos saúdo.
A vontade de viver, de ajudar, de ser útil, de se sentir vivo - é um objectivo comum a muitos de nós.  Mesmo ignorando a realidade espiritual, sentimos esta necessidade intuitivamente, é a manifestação da nossa vontade de crescer e ser melhor, é o querer atingir o objectivo da nossa reencarnação: aprendermos a viver e a amar!
Todos nós reencarnamos, tantas as vezes quantas as necessárias até conseguirmos ser Amor, Respirar Amor e Vivermos sempre em Amor. 
Nesse caminho, encontramos e reencontramos nossos desafectos: aqueles a quem magoámos e aqueles que nos feriram…  Com o tempo aprendemos, que tudo na Vida se rege pela Lei de Causa e Efeito. 
Logo, amando seremos amados… e se ferimos… acabámos por ser feridos do mesmo modo, para que mais rapidamente ganhemos consciência das consequências dos nossos actos.
Sejamos pois, responsáveis pelas nossas acções, orando ao Pai por Entendimento e compaixão para nós e para aqueles que nos rodeiam.
Com um abraço fraterno me despeço.