As mensagens que tenho recebido são lições de Amor e Humildade recebidas com respeito e fé como é ensinado na Doutrina Espirita. São apelos constantes à nossa consciência para que todos os dias façamos o nosso melhor, certos de que colheremos o que hoje plantarmos...
Cada um de nós é responsável pelo rumo da sua própria vida, no entanto, nunca estamos sozinhos, nossos Guias / Anjos da Guarda são queridos Amigos, Companheiros e Irmãos mais velhos a zelar por nós, sem nunca esquecer que o primeiro passo tem de ser o nosso...

Sou grata a Todos os que tocam a minha Vida, com todos aprendo... sejam eles que Quem forem... estejam eles Onde estiverem...
Consciente da minha pequenez, partilho-as convosco...

Este blog é uma produção independente, começou no final de 2014 e inclui também as mensagens recebidas desde 2007 por psicografia e psicodigitação desde Maio 2016 na AELA / Setúbal / Portugal - www.aela.pt / Facebook: AELA - Associação Espirita Luz e Amor.


4 de setembro de 2016

Testemunho de arrependimento: " Perdoou-lhe!" - 25.10.2012

Psicografia recebida na AELA  a 25.10.2012 - ultima da sessão.

Nota: Testemunho de médium que falhou na sua missão na Terra. No final desenhou um esboço da sua figura e a situação do espaço de trabalho. No final estava esclarecida e seguiu comovida.


Resultado de imagem para madalena arrependida

Fumei, pois fumei, bebi pois bebi, só queria fazer o Bem, aquilo que me pediam, achei que estava nas boas graças dos espíritos e por isso podia mandar nos espíritos mais fracos, nos serviçais.
Pensava eu que uns eram os senhores e outros os serviçais, que eu era um senhor encorpado, que ilusão esta, afinal não sou nada e ainda tenho de fugir daqueles que explorei...

Mas como é que eu aqui cheguei? Como vim aqui parar? Ainda estou a tentar perceber!  Se calhar errei ao fazer o que me pediam! Já a minha avó e a minha mãe assim viviam, era o que era natural, aprendi a fazer tudo com elas, era o certo, não aprendia a fazer mais nada, mas não sei como às vezes não parecia certo! Fazia e pedia trabalhos aos serviçais mas com dor na alma... Pagavam-me por isso, mas nem sempre achava certo. mas fiz, ás vezes chorava de noite com remorsos! É isso aí! Hoje choro com vergonha disso! Não quero mais fazer mal e dizer que estava a fazer bem! foram asneiras atrás de asneiras! Hoje vejo isso! Quando percebi oi que fazia já era tarde, toda a família vivia assim... A todos peço perdão, errei! É isso aí, errei. Não era o que eu queria, não era não!

Mãezinha querida, lhe perdoou-o! Eu também errei, vou orar por você também, agora do jeito certo! Deus vai nos ajudar! Ele vai nos ajudar! Que a Luz, a verdadeira Luz nos Guie mãezinha querida! Não sei se vou encontrar você, mas um dia eu vou lhe procurar.

Eu vou, eu vou para a Luz finalmente! Eu Vou!
B.