As mensagens que tenho recebido são lições de Amor e Humildade recebidas com respeito e fé como é ensinado na Doutrina Espirita. São apelos constantes à nossa consciência para que todos os dias façamos o nosso melhor, certos de que colheremos o que hoje plantarmos...
Cada um de nós é responsável pelo rumo da sua própria vida, no entanto, nunca estamos sozinhos, nossos Guias / Anjos da Guarda são queridos Amigos, Companheiros e Irmãos mais velhos a zelar por nós, sem nunca esquecer que o primeiro passo tem de ser o nosso...

Sou grata a Todos os que tocam a minha Vida, com todos aprendo... sejam eles que Quem forem... estejam eles Onde estiverem...
Consciente da minha pequenez, partilho-as convosco...

Este blog é uma produção independente, começou no final de 2014 e inclui também as mensagens recebidas desde 2007 por psicografia e psicodigitação desde Maio 2016 na AELA / Setúbal / Portugal - www.aela.pt / Facebook: AELA - Associação Espirita Luz e Amor.


11 de outubro de 2015

"Porque não ensinam na catequese?" - 12.07.2912

Psicografias recebida a 12.07.2012 na AELA 

Resultado de imagem para psicografiaEra o que mais faltava pois, mandarem em mim! Eu sei bem o que quero! Não preciso que me digam o que tenho de fazer! Pois já sei, morri! E agora? Vou para onde? Subir! Muitos me dizem “suba”, “suba”… mas para onde? Por acaso há aqui alguma escada? Não há pois não? Então subo para onde? Vejam lá se se entendem! Estou farta de ouvir, “já morres-te não pertences aqui, sobe, vai embora daqui, vai para Luz”, pois nem a luz, nem a escada, nem elevador para subir! Ando por aqui, ninguém me ouve, ninguém me liga, tenho fome e sede da mesma forma ou se calhar mais, tenho frio e nada me aquece, mas como é que saiu daqui? Vou para onde, para onde vamos quando morremos? Não percebo nada, mandam-me embora, mas não me dizem para onde devo ir! Por acaso acham que sou bruxa é? Mas porque é que raio não ensinam isto, por exemplo na catequese? Que raio fazemos na catequese? Balelas! Eu sei que Jesus existe, mas por acaso ele vem cá buscar-me, nunca O vi por aqui. De vez em quando deixo de ver alguns, mas ninguém os veio buscar!? Ou eu não vi! Quem são estes? (É pá eu estou aqui a escrever??!)
 
                               -> (entidade estava admirada como tinha
                                    conseguido psicografar, e interrogava-se
                                    como tinha sido possível)
 

Que me querem? Vão levar-me? Para onde? Vou com quem? Para onde? É pá, acho que fui mal educada, não sei como comecei a escrever, a ver os meus pensamentos escritos!! Só me cheguei aqui, acho que fui bruta, há muito tempo que ninguém me ligava; é tudo estranho, esquisito, pá, mortos vivos é uma coisa estranha. Acho que já desabafei, é pá, desculpem, estou a “morder a mão de quem me está a dar pão”!

Desculpem, desculpem, agora só posso dizer obrigada, finalmente tenho alguém a dar-me a mão, meu Deus já não me lembrava o que era sentir amizade. Perdoem, vou aprender, e um dia hei-de regressar para ajudar também. Desculpem, esta tonta ignorante.

Obrigada