As mensagens que tenho recebido são lições de Amor e Humildade recebidas com respeito e fé como é ensinado na Doutrina Espirita. São apelos constantes à nossa consciência para que todos os dias façamos o nosso melhor, certos de que colheremos o que hoje plantarmos...
Cada um de nós é responsável pelo rumo da sua própria vida, no entanto, nunca estamos sozinhos, nossos Guias / Anjos da Guarda são queridos Amigos, Companheiros e Irmãos mais velhos a zelar por nós, sem nunca esquecer que o primeiro passo tem de ser o nosso...

Sou grata a Todos os que tocam a minha Vida, com todos aprendo... sejam eles que Quem forem... estejam eles Onde estiverem...
Consciente da minha pequenez, partilho-as convosco...

Este blog é uma produção independente, começou no final de 2014 e inclui também as mensagens recebidas desde 2007 por psicografia e psicodigitação desde Maio 2016 na AELA / Setúbal / Portugal - www.aela.pt / Facebook: AELA - Associação Espirita Luz e Amor.


Conselho Prático

13 de fevereiro de 2016

Evangelho no Lar / Bernardo - "Docemente..." - 13.02.2016

Recebido depois da oração Evangelho no Lar

Bernardo

Com um abraço fraterno vos saúdo.

Humildade e Compaixão, sempre vos falo destas duas chaves para a felicidade!

Vê-de como a chuva caí de mansinho, a brisa do mar sopra leve, os primeiros raios de luz surgem lentamente no horizonte...
Docemente as coisas acontecem quando as atraimos...  levemente vêm ao nosso encontro se nos pautamos pela Lei do Amor e da Paz...

Quando a Caridade não é praticada por nós no dia a dia, atraimos ventos ferozes que nos tentam e fazem vergar tal como as arvores das florestas...
Acreditai, a Caridade está ao alcance de todos! Um exemplo é o calar uma má palavra, uma frase dita com sentido de prejudicar ou simplesmente depreciar a um irmão... não custa qualquer dinheiro e pode aliviar tanto sofrimento...
Uma má palavra pode ferir profundamente e até desencadear um desejo suicida do qual seremos nós os responsáveis... Por outro lado, um pensamento de auxilio pode ajudar a salvar um encarnado ou desencarnado, tal como a nós mesmos...

Recordaí: ninguém é perfeito, perdoemos a nossos irmãos como queremos ser perdoados, do mesmo modo como gostariamos de encontrar uma mão amiga nas nossas aflições.

Com um abraço fraterno me despeço.